Gestão de Áreas Verdes

A PUSP-C é responsável pelo plantio, poda e remoção de árvores na Cidade Universitária. Atendendo legislação federal, o plantio de espécies nativas tem como objetivo a erradicação de exemplares invasores, proporcionando o restabelecimento do equilíbrio da fauna e flora locais, sendo também realizado no contexto do plantio compensatório, quando novas mudas são introduzidas em espaços do campus após a remoção de árvores para a realização de obras.

A poda de árvores é realizada por motivos paisagísticos, bem como para melhorar as condições de iluminação e a visualização da sinalização de trânsito. Também é de grande importância a poda preventiva, feita para evitar a queda de galhos e acidentes com árvores, especialmente nos períodos de chuva. A realização de podas acontece mediante autorização da Secretaria do Verde e do Meio Ambiente. No momento, está em vigor uma autorização para a realização de podas em toda a Cidade Universitária, conforme calendário que está sendo definido pela PUSP-C.

Em casos mais graves, quando a árvore está muito velha, morta ou infestada por cupins, ocasionando risco de queda, realiza-se a remoção. Como no caso da poda, é necessária autorização da Secretaria do Verde e do Meio Ambiente, e com frequência a operação é realizada com apoio do Corpo de Bombeiros, para garantir o atendimento mais rápido possível. Clique aqui para saber como fazer pedidos de remoção de galhos ou árvores caídas. Para pedidos de plantio e manutenção de áreas verdes, utilize o USP Atende.

Viveiro

Próximo à Rua do Matão e ao Clube dos Professores está o Viveiro, área de mata nativa dentro da CUASO. Rico em exemplares da Mata Atlântica, é administrado pela PUSP-C e tem parte de seu espaço ocupado pela equipe operacional de Gestão de Áreas Verdes, responsável pelo plantio de mudas de árvores e plantas de pequeno porte, além da manutenção dos gramados e jardins da Cidade Universitária.